Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Achamos que o jornalista do Mirante que esteve na última assembleia municipal poderia dedicar um número desse jornal apenas dedicado ao folhetim que se passou nessa assembleia sobre a Aldeia Palafítica do Patacão e sobre o Museu Nacional da Cultura Avieira, e que teve como personagens centrais o dr. João Serrano e o presidente da câmara, dr. Mário Pereira. 


É que das duas uma: ou o dr. João Serrano está completamente doido(!) ou o presidente da câmara de alpiarça é um valente mentiroso.

O dr. João Serrano disse em plena assembleia e há dezenas de testemunhas que ouviram que tem um financiamento do QREN a 85% do INA Alentejo para recuperar a Aldeia do Patacão e que a câmara de Alpiarça apenas teria de gastar cerca de 50.000 euros. Disse ainda que tinha aprovado um projecto do QREN no valor de um milhão de euros para transformar a antiga adega que dá para a rua João Maria da Costa e que está no páteo da câmara municipal, para transformar o velho edifício em Museu Nacional da Cultura Avieira, onde seriam expostos barcos, utensílios de pesca e trajes dos pescadores do Patacão.
Confrontado com esta situação por deputados municipais o presidente da câmara disse que o município de Alpiarça só se poderia candidatar a um projecto por ano do QREN e que para o ano de 2013 o projecto candidato era o arranjo dos exteriores dos paços do concelho e que não se poderia em 2013 candidatar a outros projectos. Desafiou mesmo os deputados a irem com ele ao INA Alentejo para aferir da veracidade das suas palavras. Certo é que nesta altura o dr. João Serrano já não se encontrava na sala para responder aos deputados sobre os seus supostos projectos para a cultura avieira.
Uma coisa é certa, não há muito tempo, lemos uma entrevista do dr. João Serrano em que ele afirmava que seria muito difícil recuperar a Aldeia do Patacão porque os terrenos onde se encontravam as "casas dos pescadores" eram do domínio privado. Dava a entender que a câmara de Alpiarça ou outra entidade teria de tomar posse administrativa dos terrenos para se poder recuperar a Aldeia. Agora passados meses já fala em milhões não só para recuperar o Patacão, como também para recuperar uma antiga adega para museu. Afinal em que ficamos? 
Achamos que o sr. presidente da câmara devia esclarecer devidamente este imbróglio através do boletim municipal ou ao menos em artigo a publicar no Mirante.
Por: L.I.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 12:31



Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

calendário

Dezembro 2012

D S T Q Q S S
1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
3031



Arquivo

  1. 2013
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2012
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2011
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2010
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D